Você está em: Home >> Notícias >> RS: Governo sanciona aumento do piso regional em 14,75%
 
- Procurar Notícias  
 
 
30/03/2012 | RS: Governo sanciona aumento do piso regional em 14,75%

O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, sancionou terça-feira a lei que reajuste o piso salarial regional em 14,75%. Com o aumento, o piso da faixa inicial passa de R$ 610 para R$ 700, com efeito retroativo a 1º de março.

“É um conquista das centrais sindicais para que o Rio Grande do Sul tivesse um piso salarial compatível com o desenvolvimento do estado”, afirmou o governador. O aumento foi superior ao aumento de 2011, que ficou em 11,9%.

O reajuste irá beneficiar 1,2 milhão de trabalhadores gaúchos em 34 categorias profissionais.

O projeto havia sido aprovado por unanimidade na Assembleia Legislativa no último dia 6 de março. Além do índice, a lei define ainda uma nova data-base dos futuros reajustes passando de 1º de maio para 1º de janeiro, a partir de 2013.

As faixas salariais receberam os seguintes aumentos: faixa 1: de R$ 610,00 para R$ 700,00; faixa 2: de R$ 624,05 para R$ 716,12; faixa 3: de R$ 638,20 para R$ 732,36 e faixa 4: de R$ 663,40 para R$ 761,28.

Publicado no Jornal Hora do Povo edição 3043

 
Últimas Notícias
 
03/07/2017   -- Trabalhistas históricos fortalecem o PPL
29/06/2017   -- João Vicente Goulart se filiará ao PPL
14/06/2017   -- A luta pelo Brasil em um novo partido
14/06/2017   -- TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina
14/06/2017   -- Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
29.06.2017
 João Vicente Goulart se filiará ao PPL.
14.06.2017
 O manual da canalhice - ou como Temer escapou no TSE.
14.06.2017
 Trabalhadores nas ruas dizem “Não” às ‘reformas’ de Temer .
14.06.2017
 Boletim do BC reduz a 0,41% previsão para o PIB este ano.
14.06.2017
 Lucro das operadoras de saúde aumentou 70% em 2016, diz ANS.
14.06.2017
 Fux: os fatos são gravíssimos .
14.06.2017
 Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB.
14.06.2017
 TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina.
18.05.2017
 Parente corta investimentos e privatiza Campo do Azulão.
19.05.2017
 Com manifestações e panelaço, povo vai às ruas após divulgação de gravações de Temer .
19.05.2017
 Molon protocola pedido de impeachment.
19.05.2017
 JBS: Mantega recebia a propina e distribuía.
19.05.2017
 Agendas e foto desmentem Lula.
19.05.2017
 Okamoto e Vaccari na agenda de Léo Pinheiro.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br