Você está em: Home >> Notícias >> STF aprova por unanimidade cotas raciais na universidade
 
- Procurar Notícias  
 
 
03/05/2012 | STF aprova por unanimidade cotas raciais na universidade

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por unanimidade, que as cotas raciais nas universidades brasileiras estão em conformidade com a Constituição brasileira. A partir do julgamento, encerrado na última quinta-feira (26), a reserva de vagas para negros e pardos poderá ser aplicada em todo o ensino público.

O relator do processo, ministro Ricardo Lewandowski, declarou em seu voto que, apesar de a Constituição dizer que todos são iguais perante a lei, ainda há, uma desigualdade na prática. Para o relator, a reserva de cotas “são uma forma de compensar essa discriminação culturalmente arraigada, não raro praticada de forma inconsciente, e à sombra de um Estado complacente”.

O STF julgou três ações que contestavam a validade do sistema de cotas. Uma delas, ajuizada pelo DEM em 2009, questionava as cotas raciais para ingresso na Universidade de Brasília (UnB), primeira universidade federal a adotar o sistema, em 2004, reservando 20% das vagas a candidatos negros. O fim das rotas raciais se tornou bandeira do ex-líder do partido no Senado, Demóstenes Torres (GO), insígne membro do esquema do contraventor Carlos Cachoeira.

Apesar de acompanhar o voto do relator, o ministro Gilmar Mendes fez críticas à política de cotas raciais. Ele chegou a propor a revisão do modelo criado pela UnB, alegando que “ainda constitucional”, mas se for mantido como está poderá vir a ferir a Constituição. Declaradamente contra as cotas, Mendes se viu sem espaço para votar contra elas num momento em que seu amigo Demóstenes a cada dia é exposto ao público como integrante da quadrilha do bicheiro Cachoeira.

Com informações do Jornal Hora do Povo

 
Últimas Notícias
 
18/03/2017   -- Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT
18/03/2017   -- Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato
16/03/2017   -- Não tem déficit na Previdência, o que tem é muito roubo
18/01/2017   -- Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”
18/01/2017   -- Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
18.03.2017
 Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato.
18.01.2017
 Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral.
18.01.2017
 Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”.
13.12.2016
 Wagner e assessor especial de Dilma receberam suborno.
13.12.2016
 Geddel se sentia passado para trás.
13.12.2016
 Renan recebia pixuleco através de Jucá.
13.12.2016
 Padilha e Moreira Franco eram os prepostos de Temer que abasteciam PMDB da Câmara.
13.12.2016
 “PEC 55 só favorece especulador”, afirma o economista Nilson Araújo.
13.12.2016
 PEC do roubo à Previdência barra aposentadoria plena antes dos 70 .
13.12.2016
 Juros altos e sem investimentos, PIB recua 0,8% no 3º trimestre.
13.12.2016
 Governo, Congresso e STF estão podres. Eleições Gerais Já!.
23.11.2016
 Governo apresenta novo pacote de arrocho contra servidores gaúchos.
23.11.2016
 Contra a PEC 241/55 e o Pacote do Sartori.
21.10.2016
 Ipea diz que PEC 241 vai tirar 868 bilhões da assistência Social.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.com.br