Você está em: Home >> Notícias >> Serviços e comércio mantêm taxa de desemprego estável
 
- Procurar Notícias  
 
 
01/06/2012 | Serviços e comércio mantêm taxa de desemprego estável

A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) realizada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), em sete regiões, registrou uma taxa de desemprego de 10,8% em abril, segundo os números divulgados pelas instituições na quarta-feira (30/05). Em abril do ano passado a taxa de desemprego era de 11,1%.

O total de desempregados detectados nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo e no Distrito Federal foi de 2,428 milhões de pessoas, 5 mil a mais que no mês anterior.

As maiores taxas de desemprego foi registrada em Salvador (17,5%), Distrito Federal (13,1%), Recife (12,0%) e São Paulo (11,2%). Já as menores, em Belo Horizonte (5,0%), Porto Alegre (7,8%) e Fortaleza (9,8%).

Em abril, o nível de ocupação não variou. O total de ocupados, nas sete regiões investigadas, foi estimado em 19,959 milhões de pessoas e a População Economicamente Ativa (PEA), em 22,387 milhões. Por setor de atividade econômica, o nível de ocupação diminuiu em Serviços (foram eliminados de 70 mil postos de trabalho, ou -0,6%), permaneceu em relativa estabilidade na Indústria (menos 7 mil postos de trabalho, ou -0,2%) e no Comércio (mais 3 mil, ou 0,1%). A perda de vagas nesses segmentos foi compensada pelo crescimento no agregado Outros Setores (mais 54 mil postos de trabalho, ou 3,6%) e na Construção Civil (mais 11 mil, ou 0,8%).

De acordo com a técnica do Dieese, Ana Maria Belavenuto, a indústria teve desempenho ruim na maioria das regiões. “O que vem segurando o mercado de trabalho é o setor de serviços e comércio”, disse.

Em março, o rendimento médio dos ocupados no conjunto das regiões pesquisadas caiu 0,5% e ficou em R$ 1.458. O rendimento dos assalariados caiu 0,3% e chegou a R$ 1.518.

Publicado no Jornal Hora do Povo, edição 3.061

 
Últimas Notícias
 
18/03/2017   -- Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT
18/03/2017   -- Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato
16/03/2017   -- Não tem déficit na Previdência, o que tem é muito roubo
18/01/2017   -- Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”
18/01/2017   -- Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
18.03.2017
 Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato.
18.01.2017
 Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral.
18.01.2017
 Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”.
13.12.2016
 Wagner e assessor especial de Dilma receberam suborno.
13.12.2016
 Geddel se sentia passado para trás.
13.12.2016
 Renan recebia pixuleco através de Jucá.
13.12.2016
 Padilha e Moreira Franco eram os prepostos de Temer que abasteciam PMDB da Câmara.
13.12.2016
 “PEC 55 só favorece especulador”, afirma o economista Nilson Araújo.
13.12.2016
 PEC do roubo à Previdência barra aposentadoria plena antes dos 70 .
13.12.2016
 Juros altos e sem investimentos, PIB recua 0,8% no 3º trimestre.
13.12.2016
 Governo, Congresso e STF estão podres. Eleições Gerais Já!.
23.11.2016
 Governo apresenta novo pacote de arrocho contra servidores gaúchos.
23.11.2016
 Contra a PEC 241/55 e o Pacote do Sartori.
21.10.2016
 Ipea diz que PEC 241 vai tirar 868 bilhões da assistência Social.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.com.br