Você está em: Home >> Notícias >> Araponga do contraventor vibrou contra Lula com o desfecho do escândalo dos aloprados
 
- Procurar Notícias  
 
 
08/07/2012 | Araponga do contraventor vibrou contra Lula com o desfecho do escândalo dos aloprados

Em mais um vídeo apreendido pela Polícia Federal na casa de Adriano Aprígio, ex-cunhado do bicheiro Carlinhos Cachoeira, o ex-sargento da Aeronáutica Idalberto Matias de Araújo, o Dadá, braço direito de Cachoeira aparece comemorando o resultado do escândalo dos aloprados, ocorrido em 2006.

Para ser mais preciso, em 15 de setembro de 2006, duas semanas antes das eleições para deputados, governador e presidente, alguns petistas foram presos em um hotel em São Paulo com R$ 1,7 milhão. O dinheiro seria usado para comprar um dossiê que revelava a participação do tucano José Serra - então candidato a governador de São Paulo - com o desvio de verbas do orçamento destinadas à compra de ambulâncias no caso que ficou conhecido como “Sanguessugas”. Agindo à revelia de Lula e de outros altos dirigentes do PT, esse grupo de petistas pretendia usar o tal dossiê na campanha eleitoral ao governo de São Paulo, que tinha Aloizio Mercadante como candidato do partido e Serra o adversário. Mas a repercussão da prisão, com a manipulação do fato na mídia, acabou por prejudicar Lula, candidato à reeleição presidencial, que poderia ter vencido já no primeiro turno o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, como indicavam as pesquisas na época. A expressão “aloprados” foi criada por Lula, em um dos comícios da campanha do segundo turno, irritado com o comportamento do grupo.

O vídeo apreendido, já periciado pela Polícia Federal, mostra uma conversa entre o jornalista Mino Pedrosa e Dadá, o agente secreto da quadrilha. Pedrosa relata que o PSDB armou a história do dossiê e que o “PT caiu nela”. O araponga vibra e comemora: “Tem que fuder o Lula! Tem que fuder o barbudo!”.

Publicado no Jornal Hora do Povo, edição 3.071

 
Últimas Notícias
 
18/03/2017   -- Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT
18/03/2017   -- Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato
16/03/2017   -- Não tem déficit na Previdência, o que tem é muito roubo
18/01/2017   -- Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”
18/01/2017   -- Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
18.03.2017
 Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato.
18.01.2017
 Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral.
18.01.2017
 Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”.
13.12.2016
 Wagner e assessor especial de Dilma receberam suborno.
13.12.2016
 Geddel se sentia passado para trás.
13.12.2016
 Renan recebia pixuleco através de Jucá.
13.12.2016
 Padilha e Moreira Franco eram os prepostos de Temer que abasteciam PMDB da Câmara.
13.12.2016
 “PEC 55 só favorece especulador”, afirma o economista Nilson Araújo.
13.12.2016
 PEC do roubo à Previdência barra aposentadoria plena antes dos 70 .
13.12.2016
 Juros altos e sem investimentos, PIB recua 0,8% no 3º trimestre.
13.12.2016
 Governo, Congresso e STF estão podres. Eleições Gerais Já!.
23.11.2016
 Governo apresenta novo pacote de arrocho contra servidores gaúchos.
23.11.2016
 Contra a PEC 241/55 e o Pacote do Sartori.
21.10.2016
 Ipea diz que PEC 241 vai tirar 868 bilhões da assistência Social.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.com.br