Você está em: Home >> Notícias >> Governo do Estado fecha acordo com a Abamf
 
- Procurar Notícias  
 
 
 
22/09/2011 | Governo do Estado fecha acordo com a Abamf

* Matéria publicado originalmente no site do Governo do Estado.

 

Os secretários da Casa Civil, Carlos Pestana, da Segurança Pública, Airton Michels, e da Coordenação de Assessoramento Superior do Governador, Flávio Koutzii, e o Comandante Geral da Brigada Militar, Cel. Sérgio Abreu, receberam, na tarde desta quinta-feira (22), a direção da Associação Beneficente Antonio Mendes Filho (Abamf), no Palácio Piratini. Os representantes sindicais comunicaram ao Governo que a proposta de reajuste de 23,5% aos soldados da BM foi aprovada pela maioria das assembleias regionalizadas que aconteceram no Estado na última semana.

 

De acordo com o presidente da entidade, Leonel Lucas Lima, "a decisão soberana da maioria dos servidores de nível médio da Brigada Militar, representados pela Abamf, foi pela aceitação da proposta salarial".

 

Carlos Pestana comemorou o acordo: "o Governo tem ciência de que os salários dos servidores gaúchos da segurança pública são baixos, mas é inegável o avanço que tivemos nesses oito meses de gestão. Jamais, governo algum ofereceu um percentual tão significativo de uma vez só como estamos fazendo. Queremos avançar ainda mais nos próximos anos e as conversações não se encerram aqui", comprometeu-se o chefe da Casa Civil, que afirmou que as negociações para o reajuste da matriz salarial dos brigadianos para 2012 serão retomadas em breve.


Pestana informou, ainda, que o Projeto de Lei para o reajuste da Brigada Militar será protocolado na Assembleia Legislativa em regime de urgência: "vamos propor um acordo com as lideranças partidárias para que a votação do PL se dê antes do término do prazo do regime de urgência, que é de 30 dias, a fim de podermos efetuar o pagamento da Brigada Militar com o reajuste já no mês de outubro", disse.



Proposta aprovada pela ABAMF


- reajuste sobre o vencimento básico da categoria, dividido em duas etapas - out/2011 e abr/2012. No caso dos soldados, o reajuste acumulado será de 23,5% e no caso dos 1ºs Tenentes, de 10,5%. Para os 3ºs Sargentos, o reajuste será de 18,15%. As funções intermediárias receberão reajustes proporcionais entre esses dois índices;

 

- ampliação do número de vagas para promoções para 2.800, a saber: 700 ainda em 2011, 700 em 2012, 700 em 2013 e 700 em 2014;

 

- continuação das negociações sobre a matriz salarial da categoria visando a reajuste a ser concedido em 2012;

 

- compromisso de não encerrar as negociações salariais durante os próximos anos.


Veja como fica a remuneração inicial com o reajuste aprovado:

 

 

Remuneração Inicial

Com a proposta  

 Soldado

 1.246,91

 1.539,93

 Cabo

 1.363,19

 1.656,20

 3º Sargento

 1.614,77

 1.907,78

 2º Sargento

 1.827,48

 2.120,49

 1º Sargento

 2.041,45

 2.334,46

 Aspirante

 2.255,48

 2.548,50

 Sub-tenente

 2.255,48

 2.548,50

 2º tenente

 2.576,23

 2.869,24

 1º tenente

 2.791,29

 3.084,30

 

 
Últimas Notícias
 
18/03/2017   -- Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT
18/03/2017   -- Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato
16/03/2017   -- Não tem déficit na Previdência, o que tem é muito roubo
18/01/2017   -- Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”
18/01/2017   -- Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
18.03.2017
 Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato.
18.01.2017
 Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral.
18.01.2017
 Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”.
13.12.2016
 Wagner e assessor especial de Dilma receberam suborno.
13.12.2016
 Geddel se sentia passado para trás.
13.12.2016
 Renan recebia pixuleco através de Jucá.
13.12.2016
 Padilha e Moreira Franco eram os prepostos de Temer que abasteciam PMDB da Câmara.
13.12.2016
 “PEC 55 só favorece especulador”, afirma o economista Nilson Araújo.
13.12.2016
 PEC do roubo à Previdência barra aposentadoria plena antes dos 70 .
13.12.2016
 Juros altos e sem investimentos, PIB recua 0,8% no 3º trimestre.
13.12.2016
 Governo, Congresso e STF estão podres. Eleições Gerais Já!.
23.11.2016
 Governo apresenta novo pacote de arrocho contra servidores gaúchos.
23.11.2016
 Contra a PEC 241/55 e o Pacote do Sartori.
21.10.2016
 Ipea diz que PEC 241 vai tirar 868 bilhões da assistência Social.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.com.br