Você está em: Home >> Notícias >> Dilma desautoriza aumento dos aposentados em 2013
 
- Procurar Notácias  
 
 
22/08/2012 | Dilma desautoriza aumento dos aposentados em 2013

Foi publicada na edição extra do final de semana do Diário Oficial da União a Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) de 2013, com 25 justificativas de vetos de artigos, parágrafos e incisivos. Entre os itens vetados, o parágrafo 8º do artigo 35, que definia que o Poder Executivo iria definir juntamente com as centrais sindicais e entidades representativas de aposentados e pensionistas a valorização dos benefícios da Previdência acima de um salário mínimo.

Segundo a justificativa, “por não se tratar de regra para a elaboração da proposta orçamentária de 2013, não se coaduna com o objetivo da LDO a discussão sobre a política de reajuste dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social”.

O senador Paulo Paim (PT-RS) considerou “lamentável” a posição do governo. “Se os aposentados pudessem fazer greve, assim como outras categorias estão fazendo em todo o País, certamente o tratamento seria outro”, disse Paim através do Twitter.

A LDO aprovada no Congresso estabelece um superávit primário – recursos do orçamento confiscados para a gastança com juros - de R$ 155,9 bilhões. Ou seja, dinheiro para os bancos se coaduna com o objetivo da LDO, mas a negociação para valorização dos benefícios dos aposentados, que ganham acima de um salário mínimo, não. Deve ser por isso que há dois anos não há aumento – e também para os servidores públicos.

A presidente também vetou, integralmente, um anexo de metas e prioridades incluído pelos parlamentares, destinado à educação, mobilidade urbana, entre outras áreas, no valor de R$ 10,6 bilhões.

 

 
Últimas Notícias
 
15/01/2018   -- Ha-Joon Chang: “O Brasil está experimentando uma das maiores desindustrializações da história da economia”
15/01/2018   -- Eleição com Lula é fraude!
15/01/2018   -- João Vicente Goulart condena “desmoralização” do Ministério do Trabalho
27/11/2017   -- A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra
22/11/2017   -- PPL inicia campanha à presidência: “Chega de roubalheira e recessão!”
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
A JUSTIÇA QUE A DILMA DEFENDIA COMO GUERILHRIRAÉ ESSA QUE ESTAMOS VENDO. DAR TUDO AOS QUE NÃO PRECISA E ESTRANGULAR OS NESSECITADOS. É APOLITICA DO CÃO
MARIO C. GASPERI
NOVA TRENTO
 
É injusto o que se faz com os aposentados.Em breve se continuar asssim, todos, 80% estará ganhando salario minimo.Do que valeu contribuir sob o teto.Agora, cada ano isso e dissolvido pela quebra de contrato.Paguei mas nao levei, nao levo.Que Deus tenha mi
ediomar
fortaleza
 
POR ISSO E QUE TEM MUITO LADRÃO NO PAIS NOS NÃO PODEMOS PORQUE ESTAMOS VELHOS SÃO ESSAS COISAS QUE CAUSA REVOLTA
DALTRO
SALVADOR
 
15.01.2018
 João Vicente Goulart condena “desmoralização” do Ministério do Trabalho.
15.01.2018
 Eleição com Lula é fraude!.
27.11.2017
 A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra.
06.10.2017
 Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé.
06.10.2017
 RS: Sartori anuncia venda de 49% do estatal Banrisul.
03.07.2017
 Trabalhistas históricos fortalecem o PPL.
29.06.2017
 João Vicente Goulart se filiará ao PPL.
14.06.2017
 O manual da canalhice - ou como Temer escapou no TSE.
14.06.2017
 Trabalhadores nas ruas dizem “Não” às ‘reformas’ de Temer .
14.06.2017
 Boletim do BC reduz a 0,41% previsão para o PIB este ano.
14.06.2017
 Lucro das operadoras de saúde aumentou 70% em 2016, diz ANS.
14.06.2017
 Fux: os fatos são gravíssimos .
14.06.2017
 Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB.
14.06.2017
 TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br