Você está em: Home >> Notícias >> Crias da Casa Grande tentam protestar contra cotas, erram o caminho e vão parar no STF
 
- Procurar Notícias  
 
 
23/08/2012 | Crias da Casa Grande tentam protestar contra cotas, erram o caminho e vão parar no STF

Um grupo de 60 mauricinhos, todos de escolas particulares, realizou um protesto na última quarta-feira (22), contra a aplicação da política de cotas raciais e sociais em 50% das vagas das universidades federais brasileiras. A lei das cotas foi aprovada no início do mês, no Senado, e segue agora para a sanção presidencial.

O conhecimento desses descendentes dos senhores de engenho sobre cotas ou sobre qualquer assunto é tão minimalista que eles se dirigiram à frente do Supremo Tribunal Federal (STF), ao invés do Palácio do Planalto (do outro lado da Praça dos Três Poderes), para pedir o veto da presidente Dilma à Lei das Cotas.

Depois de algum tempo esperneando no STF, os ineptos se deram conta de que estavam no local errado e se dirigiram ao Palácio do Planalto. Na certa algum jornalista da grande imprensa, que adora deslocar seus holofotes para esse tipo de chilique da alta sociedade, deve ter avisado aos sinhozinhos que aquele não era o local correto.

Cartazes afirmavam “Cotas: o famoso jeitinho brasileiro”. Exatamente, “jeitinho brasileiro” neste caso é o jeito de se fazer a coisa certa, é o jeito mais eficaz de se corrigir a desigualdade entre negros e brancos causada após centenas de anos de escravidão.

Os estudantes afirmaram que ao invés de investir, o governo aprova esse tipo de medida paliativa e que são a favor da “meritocracia” para o ingresso nas faculdades públicas. Na certa o que eles temem é o fato de ter que concorrer de igual para igual com pessoas competentes e muito mais inteligentes que eles.

Logo se vê que o que move esses energúmenos é um sentimento daqueles bem elitistas onde não é possível conceber uma universidade pública com vagas para todos e que a sociedade deve sempre julgar as pessoas em melhores ou piores umas do que as outras.

Publicado no Jornal Hora do Povo, edição 3.085

 
Últimas Notícias
 
18/03/2017   -- Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT
18/03/2017   -- Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato
16/03/2017   -- Não tem déficit na Previdência, o que tem é muito roubo
18/01/2017   -- Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”
18/01/2017   -- Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
18.03.2017
 Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato.
18.01.2017
 Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral.
18.01.2017
 Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”.
13.12.2016
 Wagner e assessor especial de Dilma receberam suborno.
13.12.2016
 Geddel se sentia passado para trás.
13.12.2016
 Renan recebia pixuleco através de Jucá.
13.12.2016
 Padilha e Moreira Franco eram os prepostos de Temer que abasteciam PMDB da Câmara.
13.12.2016
 “PEC 55 só favorece especulador”, afirma o economista Nilson Araújo.
13.12.2016
 PEC do roubo à Previdência barra aposentadoria plena antes dos 70 .
13.12.2016
 Juros altos e sem investimentos, PIB recua 0,8% no 3º trimestre.
13.12.2016
 Governo, Congresso e STF estão podres. Eleições Gerais Já!.
23.11.2016
 Governo apresenta novo pacote de arrocho contra servidores gaúchos.
23.11.2016
 Contra a PEC 241/55 e o Pacote do Sartori.
21.10.2016
 Ipea diz que PEC 241 vai tirar 868 bilhões da assistência Social.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.com.br