Você está em: Home >> Notícias >> Rodrigo Viana: “Kamel, da Globo, usa a Justiça para se vingar de quem o critica”
 
- Procurar Notícias  
 
 
17/01/2013 | Rodrigo Viana: “Kamel, da Globo, usa a Justiça para se vingar de quem o critica”

O jornalista Rodrigo Vianna, do blog Escrevinhador, informou que vai recorrer da decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, que o condenou a pagar indenização no processo em que é acusado pelo diretor da Central Globo de Jornalismo, Ali Kamel, de ter insinuado que ele foi ator pornô na juventude. Depois de ser condenado na primeira instância, o blogueiro recorreu à 5ª Câmara Cível, que manteve a condenação.

Vianna atribuiu as derrotas à força da emissora na Justiça do Rio, destacando que não teve nem a chance de apresentar suas explicações. "A juíza na primeira instância não me permitiu apresentar testemunhas, laudos, coisa nenhuma. Acolheu na íntegra a argumentação do diretor da Globo – sem que eu tivesse sequer a chance de estar à frente da meritíssima para esclarecer minhas posições", denunciou.

Ele acrescentou que, no recurso ao Tribunal de Justiça, pediu que antes de discutir o mérito da ação, a Corte analisasse um "agravo retido" (espécie de recurso prévio) que obrigasse a primeira instância a ouvir as testemunhas de defesa e os especialistas de duas universidades. "O Tribunal, em decisão proferida nessa terça-feira (15/01), ignorou quase integralmente nossa argumentação", explicou.

"Está claro que Ali Kamel usa a Justiça para se vingar de todos aqueles que criticam o papel por ele exercido à frente da maior emissora de TV do país", afirmou Vianna, ressaltando que o diretor da Globo virou alvo de críticas fortes por dirigir o jornalismo de uma emissora acostumada a usar seu poder para influir em eleições.

"Tinha por Kamel respeito, até que comprovei de perto algumas atitudes estranhas (vetos a matérias), culminando com a atuação dele na cobertura do caso dos ‘aloprados’. Na época, eu trabalhava na Globo. Saí da emissora por causa disso. E passei a não mais respeitar Ali Kamel profissionalmente. O discurso que ele fazia na redação antes de 2006 (‘todos podem ser ouvidos, há espaço para crítica’) era falso", disse.

Na terça-feira, quando saiu a decisão, Vianna comentou o assunto em post no seu blog, observando que desde 2010, Kamel muniu-se de uma espécie de ‘furor processório’. "Se Kamel pensava em calar ou intimidar seus críticos, vai se dar mal. Esse processo vai ajudar a mobilizar aqueles que lutam contra os monopólios de mídia no Brasil", frisou.

Fonte: Hora do Povo

 
Últimas Notícias
 
18/03/2017   -- Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT
18/03/2017   -- Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato
16/03/2017   -- Não tem déficit na Previdência, o que tem é muito roubo
18/01/2017   -- Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”
18/01/2017   -- Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
18.03.2017
 Michel Temer, Gilmar, Rodrigo Maia e Eunício tramam contra a Lava Jato.
18.01.2017
 Para Ciro, conchavo PT-Temer na Câmara é uma traição imoral.
18.01.2017
 Fernando Siqueira: “o acordo com Total é um ato criminoso”.
13.12.2016
 Wagner e assessor especial de Dilma receberam suborno.
13.12.2016
 Geddel se sentia passado para trás.
13.12.2016
 Renan recebia pixuleco através de Jucá.
13.12.2016
 Padilha e Moreira Franco eram os prepostos de Temer que abasteciam PMDB da Câmara.
13.12.2016
 “PEC 55 só favorece especulador”, afirma o economista Nilson Araújo.
13.12.2016
 PEC do roubo à Previdência barra aposentadoria plena antes dos 70 .
13.12.2016
 Juros altos e sem investimentos, PIB recua 0,8% no 3º trimestre.
13.12.2016
 Governo, Congresso e STF estão podres. Eleições Gerais Já!.
23.11.2016
 Governo apresenta novo pacote de arrocho contra servidores gaúchos.
23.11.2016
 Contra a PEC 241/55 e o Pacote do Sartori.
21.10.2016
 Ipea diz que PEC 241 vai tirar 868 bilhões da assistência Social.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.com.br