Você está em: Home >> Notícias >> Protestos contra aumentos das tarifas ocorrem nas capitais: Porto Alegre, Curitiba, Salvador e Belém do Pará
 
- Procurar Notácias  
 
 
20/06/2013 | Protestos contra aumentos das tarifas ocorrem nas capitais: Porto Alegre, Curitiba, Salvador e Belém do Pará

 Manifestações contra os aumentos das passagens e pela qualidade no transporte também foram realizadas em diversas capitais do país.

Em Porto Alegre, 15 mil pessoas manifestaram-se frente à prefeitura no ato contra o aumento da passagem na capital do Rio Grande do Sul. Os manifestantes ressaltaram que a ida às ruas é contra o aumento da passagem do transporte público. No final houve confronto com a Brigada Militar que usou gás lacrimogêneo e balas de borrachas para conter os manifestantes que atearam fogo em ônibus.

O terceiro protesto contra o aumento das tarifas de ônibus em Curitiba, também na segunda, reuniu cerca de 10 mil pessoas e começou pacífico, mas terminou com o Batalhão de Choque da PM usando bombas de efeito moral para dispersar um grupo que tentava invadir o Palácio Iguaçu.

Milhares de pessoas iniciaram em Salvador, na tarde desta segunda-feira (17), o protesto em apoio ao aos movimentos contra o aumento das passagens dos transportes públicos no país. 10 mil pessoas participaram da manifestação.

A manifestação por melhores condições de vida em Belém reuniu mais de 13 mil pessoas. A multidão entoava em uma só voz as palavras de ordem: “Vem pra rua!”; “A rua é nossa”; “Sem vandalismo”. Não houve conflitos com a polícia. Em clima de celebração, nem a chuva que caiu na capital paraense impediu que a maioria das pessoas seguissem em passeata. Os manifestantes sentaram na pista da BR-316, em frente ao monumento da Cabanagem.

 

 
Últimas Notícias
 
17/04/2018   -- Cientistas Engajados disputarão as eleições em 2018
13/03/2018   -- PPL apresenta candidatura de João Goulart Filho a presidente da República
12/03/2018   -- PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil
08/02/2018   -- NOTA AO POVO GAÚCHO
02/02/2018   -- Governo do RS deixa metade dos servidores sem salário
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
12.03.2018
 PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil.
02.02.2018
 Aposentados fazem desfile-protesto contra assalto à Previdência.
02.02.2018
 Gasto com juros foi de R$ 400 bilhões em 2017.
02.02.2018
 Servidores Públicos reforçam convocação de greve geral dia 19.
02.02.2018
 ALERGS não vota o pacote de Sartori.
02.02.2018
 Governo do RS deixa metade dos servidores sem salário.
02.02.2018
 Filho de Jango é lançado presidente em São Borja.
22.01.2018
 Resolução da Executiva Estadual do Partido Pátria Livre – RS.
15.01.2018
 João Vicente Goulart condena “desmoralização” do Ministério do Trabalho.
15.01.2018
 Eleição com Lula é fraude!.
15.01.2018
 Ha-Joon Chang: “O Brasil está experimentando uma das maiores desindustrializações da história da economia”.
27.11.2017
 A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra.
22.11.2017
 PPL inicia campanha à presidência: “Chega de roubalheira e recessão!”.
06.10.2017
 Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br