Você está em: Home >> Notícias >> Mobilizações contra leilão vão marcar os 60 anos da Petrobrás, no dia três
 
- Procurar Notícias  
 
 
27/09/2013 | Mobilizações contra leilão vão marcar os 60 anos da Petrobrás, no dia três

Federação Única dos Petroleiros, Aepet, Centrais Sindicais, Clube de Engenharia, estudantes e demais movimentos sociais se unem para barrar entrega do Campo de Libra às multinacionais

 O próximo dia 3, quando a Petrobrás completa 60 anos, será marcado por grande mobilização nacional contra o leilão de Libra. A Federação Única dos Petroleiros (FUP), a campanha "O Petróleo Tem Que Ser Nosso", movimentos sociais e sindicais por todo país se unificaram para realizar atos Brasil a fora em repúdio ao Leilão do Campo de Libra na área do Pré-Sal, previsto para acontecer no próximo dia 21. No dia 3, a FUP e seus sindicatos também farão uma paralisação de 24 horas da categoria.

A Associação dos Engenheiros da Petrobrás (Aepet) juntamente com o Clube de Engenharia, CREA-RJ, Fisenge, Modecon, Senge, Sindipetro-RJ e Astape-Caxias, promove Ato Público para impedir que a maior reserva de petróleo dos últimos tempos seja apropriada pelas multinacionais.

A Central Única dos Trabalhadores (CUT), a Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB), Central Dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), a Conlutas, se somaram a agenda apresentada pela FUP que também já foi aprovada pelos trabalhadores do Sistema Petrobrás de São Paulo, em assembleia realizada na última segunda-feira (23).

Além das centrais, sindicatos dos petroleiros, o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), partidos, entidades estudantis, juventudes partidárias também já estão se incorporando às grandes manifestações por todo o país.

A Executiva Nacional da CUT, que se reuniu entre nos dias 24 e 25 reafirmou sua posição em defesa dos interesses da população e da soberania nacional, colocando-se contra o leilão do Campo de Libra, e convocou as Estaduais da CUT, os ramos e sindicatos filiados a mobilizar suas bases para participar, junto com os movimentos sociais, das atividades programadas contra o leilão.

Também no dia 24, as várias entidades que compõem o Comitê Estadual de Defesa do Petróleo de São Paulo se reuniram na Sede do Sindicato dos Petroleiros de São Paulo (SindiPetro-SP) para discutir o material informativo que será distribuído a toda a população sobre os leilões de petróleo e convocar o ato do dia três.

A FUP, Sindipetro Bahia, o Sindipetro-RJ,  o MST e o Movimento Atingidos Por Barragens (MAB) e demais entidades da Via Campesina implementam a agenda unitária de lutas contra os leilões e realizarão acampamento que será montado a partir do dia 1º de outubro em Brasília.

Além dos atos no dia três e do acampamento, as mobilizações para barrar o leilão do Campo de Libra também realizarão ato político no Rio de Janeiro, dia sete, no dia 17, o Dia Nacional de Luta contra o Leilão de Libra, com passeatas nas capitais e no dia do leilão, 21 de outubro, ato público com participação de todas as centrais sindicais e movimentos sociais no local do leilão.

Fonte: Hora do Povo

 
Últimas Notícias
 
03/07/2017   -- Trabalhistas históricos fortalecem o PPL
29/06/2017   -- João Vicente Goulart se filiará ao PPL
14/06/2017   -- A luta pelo Brasil em um novo partido
14/06/2017   -- TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina
14/06/2017   -- Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
29.06.2017
 João Vicente Goulart se filiará ao PPL.
14.06.2017
 O manual da canalhice - ou como Temer escapou no TSE.
14.06.2017
 Trabalhadores nas ruas dizem “Não” às ‘reformas’ de Temer .
14.06.2017
 Boletim do BC reduz a 0,41% previsão para o PIB este ano.
14.06.2017
 Lucro das operadoras de saúde aumentou 70% em 2016, diz ANS.
14.06.2017
 Fux: os fatos são gravíssimos .
14.06.2017
 Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB.
14.06.2017
 TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina.
18.05.2017
 Parente corta investimentos e privatiza Campo do Azulão.
19.05.2017
 Com manifestações e panelaço, povo vai às ruas após divulgação de gravações de Temer .
19.05.2017
 Molon protocola pedido de impeachment.
19.05.2017
 JBS: Mantega recebia a propina e distribuía.
19.05.2017
 Agendas e foto desmentem Lula.
19.05.2017
 Okamoto e Vaccari na agenda de Léo Pinheiro.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br