Você está em: Home >> Notícias >> Fator previdenciário corta ainda mais o benefício de aposentados
 
- Procurar Notícias  
 
 
04/12/2013 | Fator previdenciário corta ainda mais o benefício de aposentados

Centrais sindicais irão intensificar a mobilização contra o fator 

As centrais sindicais destacaram nesta semana a urgência de se pôr fim ao fator previdenciário, que a partir desta segunda-feira (2) passou a corroer ainda mais os benefícios das aposentadorias.

Isso porque foi divulgado estudo pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontando o aumento da expectativa de vida dos brasileiros passando de 74,08 anos em 2011 para 74,6 anos em 2012.

O que seria uma notícia boa torna-se mais um dado preocupante, uma vez que o fator previdenciário tem como base esse índice. Quanto maior a expectativa de vida, maior o corte no benefício. Com a nova expectativa haverá uma redução média de 1,67% no benefício do trabalhador que se aposentar a partir de agora.

Ressaltando a necessidade de acabar o fator, a Força Sindical publicou uma nota afirmando que “o aumento da esperança de vida afeta o bolso dos brasileiros”, fruto da “insensibilidade social do governo federal, que se recusa a acabar com o Fator Previdenciário”.

Para Ubiraci Dantas, presidente da CGTB, “já não bastasse o governo roubar do trabalhador a sua minguada aposentadoria, agora até as boas notícias representam um retrocesso. O governo não quer gastar nem um centavo a mais com os trabalhadores, quer que ele viva com um salário de fome. Em compensação, para os banqueiros e juros mantém a mão aberta, à custa do povo, com o dinheiro do povo”. “As centrais vão intensificar as mobilizações e exigir o fim do fator”, disse Bira, lembrando que “desde o início do mandato, o governo prometeu uma alternativa. Nada foi feito, não há negociação. Por isso, voltaremos às ruas”, convocou.  

O resultado da permanência desse mecanismo é ainda mais nocivo para as mulheres. “A incidência do fator previdenciário é muito agressiva, tendo em vista que a mulher possui uma expectativa de sobrevida maior que a do homem, logo, se pede a aposentadoria precocemente, a perda financeira é significativa”, explica o advogado Sérgio Henrique Salvador, especialista em Direito Previdenciário e professor do Instituto Brasileiro de Estudos Previdenciários (IBEP).

Segundo o resultados de 2012 das Tábuas Completas de Mortalidade divulgadas nesta segunda pelo IBGE, para os homens a expectativa de vida aumentou de 70,6 anos para 71,0 anos, o equivalente a 4 meses e 10 dias a mais. As mulheres tiveram aumento de 77,7 anos em 2011 para 78,3 anos em 2012, um acréscimo de 6 meses e 25 dias.

As centrais organizaram no último dia 12 um dia nacional de lutas contra o fator previdenciário, que reuniu milhares de aposentados, pensionistas e trabalhadores da ativa nas principais capitais do país. 

O cálculo leva em conta a idade ao se aposentar, o tempo de contribuição para a Previdência Social e a expectativa de sobrevida, ou seja, quanto tempo o trabalhador deve viver após pedir o benefício.

Uma mulher com 55 anos de idade e 30 anos de contribuição, com salário teto do INSS (de R$ 4.159), que entrasse com pedido de aposentadoria até sexta-feira passada, 29/11, receberia R$ 2.495,40 pela tabela anterior, que levava em consideração a esperança de vida calculada em 2011. Se essa mesma mulher entrar com pedido de aposentadoria a partir de sexta, receberá R$ 2.287,45, R$ 208 a menos, informa Henrique Salvador.

Fonte: Hora do Povo

 
Últimas Notícias
 
27/11/2017   -- A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra
22/11/2017   -- PPL inicia campanha à presidência: “Chega de roubalheira e recessão!”
06/10/2017   -- PPL-RS: NÃO à adesão do RS ao plano do governo federal de arrocho dos estados
06/10/2017   -- RS: Sartori anuncia venda de 49% do estatal Banrisul
06/10/2017   -- Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
06.10.2017
 Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé.
06.10.2017
 RS: Sartori anuncia venda de 49% do estatal Banrisul.
03.07.2017
 Trabalhistas históricos fortalecem o PPL.
29.06.2017
 João Vicente Goulart se filiará ao PPL.
14.06.2017
 O manual da canalhice - ou como Temer escapou no TSE.
14.06.2017
 Trabalhadores nas ruas dizem “Não” às ‘reformas’ de Temer .
14.06.2017
 Boletim do BC reduz a 0,41% previsão para o PIB este ano.
14.06.2017
 Lucro das operadoras de saúde aumentou 70% em 2016, diz ANS.
14.06.2017
 Fux: os fatos são gravíssimos .
14.06.2017
 Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB.
14.06.2017
 TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina.
14.06.2017
 A luta pelo Brasil em um novo partido.
22.05.2017
 Resolução Diretório Estadual Partido Pátria Livre RS.
18.05.2017
 Parente corta investimentos e privatiza Campo do Azulão.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br