Você está em: Home >> Notícias >> "Obama é o maior inimigo da liberdade de imprensa de nossa geração", afirma jornalista do NYT
 
- Procurar Notácias  
 
 
20/08/2014 | "Obama é o maior inimigo da liberdade de imprensa de nossa geração", afirma jornalista do NYT

Neste domingo, o jornalista norte-americano, James Risen, afirmou que Obama "é o maior inimigo da liberdade de imprensa de nossa geração". A afirmação foi publicada neste domingo no jornal The New York Times, na coluna da jornalista Maureen Dowd, em referência à perseguição do governo Obama a diversos jornalistas, mesmo que norte-americanos.

O governo norte-americano está no encalço de Risen. Ele corre o risco de pagar com sua própria liberdade – perseguido no governo atual - caso não delate a fonte que utilizou para a publicação de seu best-seller de 2006, "Estado de Guerra: História Secreta da CIA e Bush". James Risen se negou categoricamente a delatar suas fontes, defendendo a liberdade de imprensa, e em consequência pode ser preso a qualquer momento sob acusação de espionagem, com base na Lei de Espionagem de 1917.

O seu livro faz diversos apontamentos sobre os crimes da CIA e dos demais aparelhos de inteligência dos Estados Unidos. Entre os casos que mais se popularizaram, está a Operação Merlin, da CIA, colocada em prática em 2000, sob a pretensão de atrasar o programa nuclear do Irã. A narrativa para além de denunciar a ingerência norte-americana, faz com que os agentes da CIA exponham sua palermice ao se atrapalharem durante a operação. Ao final, o Irã consolidou o seu programa nuclear e descobriu a operação.

Ao tratar da espionagem, a colunista o indagou: "como pode [o governo Obama] utilizar a Lei de Espionagem para jogar repórteres e denunciantes de irregularidades na cadeia, enquanto defende as operações de inteligência que ‘praticam a tortura’, e protege John Brennan, chefe da CIA responsável pela espionagem ao Senado norte-americano?". Ao que Risen respondeu "É hipocrisia. Muitas pessoas ainda pensam que isso é algum tipo de brincadeira. Não querem acreditar que Obama está reprimindo a imprensa, ou suas fontes de demais denunciantes. Mas ele está. Ele é o maior inimigo da liberdade de imprensa de nossa geração".

Após a publicação de seu livro, a inteligência estadunidense violou seu e-mail e telefone em busca de suas fontes. Com base nestas operações de espionagem, o governo norte-americano indiciou o ex-agente da CIA, Jeffrey Alexander Sterling, sob a acusação de vazar as informações.

Fonte: Jornal Hora do Povo

 

 
Últimas Notícias
 
17/04/2018   -- Cientistas Engajados disputarão as eleições em 2018
13/03/2018   -- PPL apresenta candidatura de João Goulart Filho a presidente da República
12/03/2018   -- PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil
08/02/2018   -- NOTA AO POVO GAÚCHO
02/02/2018   -- Governo do RS deixa metade dos servidores sem salário
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
12.03.2018
 PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil.
02.02.2018
 Aposentados fazem desfile-protesto contra assalto à Previdência.
02.02.2018
 Gasto com juros foi de R$ 400 bilhões em 2017.
02.02.2018
 Servidores Públicos reforçam convocação de greve geral dia 19.
02.02.2018
 ALERGS não vota o pacote de Sartori.
02.02.2018
 Governo do RS deixa metade dos servidores sem salário.
02.02.2018
 Filho de Jango é lançado presidente em São Borja.
22.01.2018
 Resolução da Executiva Estadual do Partido Pátria Livre – RS.
15.01.2018
 João Vicente Goulart condena “desmoralização” do Ministério do Trabalho.
15.01.2018
 Eleição com Lula é fraude!.
15.01.2018
 Ha-Joon Chang: “O Brasil está experimentando uma das maiores desindustrializações da história da economia”.
27.11.2017
 A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra.
22.11.2017
 PPL inicia campanha à presidência: “Chega de roubalheira e recessão!”.
06.10.2017
 Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br