Você está em: Home >> Notícias >> JBS: Mantega recebia a propina e distribuía
 
- Procurar Notícias  
 
 
19/05/2017 | JBS: Mantega recebia a propina e distribuía

O empresário Joesley Batista, dono do frigorífico JBS, afirmou em depoimento à Procuradoria-Geral da República (PGR) que o ex-ministro da Fazenda de Lula e Dilma Rousseff, Guido Mantega, era o contato dele com o PT. Joesley relatou também que havia uma espécie de conta corrente para o PT na JBS. O ex-ministro, que substituiu Antônio Palocci como operador de Lula e do PT, negociava as propinas com os donos da JBS e distribuía dinheiro a rodo entre os parlamentares petistas e seus cupinchas.

De acordo com Joesley, também era Mantega - que usou a doença da mulher para se fingir de vítima - quem operava os interesses da JBS no BNDES. Na edição passada do HP, já havíamos informado que o BNDES liberou em tempo recorde R$, 8,1 bilhões para o grupo adquirir concorrentes e se transformar em monopólio. As informações fazem parte do material da colaboração premiada que Joesley e seu irmão, Wesley Batista, fecharam com a PGR na operação Lava Jato.

Joesley disse que não tinha intimidade com o ex-presidente Lula, mas relatou, entretanto, um encontro com o petista em que reclamou que os pedidos de propinas estavam atingindo valores astronômicos. Segundo ele, Lula não teria dito nada. Os depoimentos, cujas partes envolvendo guido Mantega foram divulgados nesta quata-feira (17), foram coletados do início de abril até a primeira semana de maio. O negociador da colaboração foi o diretor jurídico da JBS, Francisco Assis da Silva, que depois também virou colaborador. Joesley disse que Luciano Coutinho era informado antes por Mantega sobre as demandas da JBS.

Fonte: Jornal Hora do Povo

 

 
Últimas Notícias
 
27/11/2017   -- A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra
22/11/2017   -- PPL inicia campanha à presidência: “Chega de roubalheira e recessão!”
06/10/2017   -- PPL-RS: NÃO à adesão do RS ao plano do governo federal de arrocho dos estados
06/10/2017   -- RS: Sartori anuncia venda de 49% do estatal Banrisul
06/10/2017   -- Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
06.10.2017
 Presidente ladrão diz que imoral é o procurador que o pegou pelo pé.
06.10.2017
 RS: Sartori anuncia venda de 49% do estatal Banrisul.
03.07.2017
 Trabalhistas históricos fortalecem o PPL.
29.06.2017
 João Vicente Goulart se filiará ao PPL.
14.06.2017
 O manual da canalhice - ou como Temer escapou no TSE.
14.06.2017
 Trabalhadores nas ruas dizem “Não” às ‘reformas’ de Temer .
14.06.2017
 Boletim do BC reduz a 0,41% previsão para o PIB este ano.
14.06.2017
 Lucro das operadoras de saúde aumentou 70% em 2016, diz ANS.
14.06.2017
 Fux: os fatos são gravíssimos .
14.06.2017
 Gilmar defende impunidade para PMDB, PT e PSDB.
14.06.2017
 TSE livra chapa Dilma-Temer e vota pela ditadura da propina.
14.06.2017
 A luta pelo Brasil em um novo partido.
22.05.2017
 Resolução Diretório Estadual Partido Pátria Livre RS.
18.05.2017
 Parente corta investimentos e privatiza Campo do Azulão.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br